A importância de servir

IMG_20170601_160143

A maioria das pessoas anseia por um mundo melhor. Esse desejo de progresso é natural do ser humano. Porém no dia-a-dia muitos se sentem imobilizados, incapazes de contribuir com este objetivo que é praticamente de toda a coletividade. Isso acontece, muitas vezes, por considerarmos que só as grandes ações são transformadoras. Porém as pequeníssimas ações, os detalhes do dia-a-dia, são capazes de gerar melhorias surpreendentes. Se continuarmos sempre a fazer as coisas do mesmo jeito sempre teremos os mesmos resultados. Se queremos frutos diferentes e melhores, temos que agir de forma diferenciada e melhorar nossas ações.

Não raro, percebemos o impacto positivo de gestos simples, como um sorriso, um cumprimento afetuoso e interessado, uma gentileza, um pequeno favor.

Se pararmos para observar, veremos que toda a natureza é uma aspiração a servir: o sol, a água, o vento, as árvores, o mar. Nesse planeta, nós seres humanos, como podemos servir? O que há ser feito? Plantar uma árvore, tirar uma pedra do caminho de alguém? limpar uma mesa? Reconstruir o que foi destruído? ceder o lugar no ônibus? segurar a porta do elevador para alguém que vai entrar em seguida? Dirigir a alguém que encontramos no nosso dia uma palavra de encorajamento ou de reconhecimento? Ajudar a tirar o ódio do coração de alguém?

Os cientistas têm verificado que há um sentimento de felicidade imenso em se engajar em torno de algo, de servir. Há uma alegria indescritível inclusive em fazer algo que os outros evitam fazer porque é difícil ou penoso. Não há valor e grandeza apenas nos grandes e glamourosos trabalhos. Há pequenas tarefas que são valiosos serviços: a pessoa que prepara a refeição da família, o executivo ocupado que pára visando acolher e ouvir, aquele que enxerga as pessoas, no sentido mais amplo e ao cumprimentá-las reconhece sua presença… São tantas as oportunidades, de servir, de construir… Há aqueles  que criticam, há os que destroem o que foi construído. Mas seja você aquele que anima, o que edifica, o que serve.

O filósofo Voltaire, que viveu no século dezoito, escreveu uma frase que diz o seguinte: “servir só para si é não servir para nada”. No dia de hoje, aí mesmo onde você se encontra, o que pode fazer para ser útil a outras pessoas? No seu trabalho, na sua casa, no ônibus, na rua, no mercadinho? o que você pode fazer para servir, para transformar esse dia em um dia melhor? Quem você pode atender, prestar serviço, ajudar de alguma forma? Se tiver algo a ser feito, faça você. Vá em frente, mesmo que essa sua ação seja como jogar um pouco de água para tentar amenizar um grande incêndio. Você não pode fazer tudo no dia de hoje. Mas pode fazer alguma coisa. E isso que você pode fazer, não deixe de fazer.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s